Roberto Justus

Ao longo da carreira, Roberto Justus conquistou importantes premiações: Publicitário do Ano, em 1997, pelo Prêmio Colunistas, versão nacional, promovido pela ABRACOMP – Associação dos Colunistas de Marketing e Propaganda; em 1998, recebeu o prêmio Líder Empresarial Setorial, concedido pela Gazeta Mercantil; em 1999, a revista Marketing o elegeu como o Homem de Marketing em 2003, conquistou o título de Dirigente do Ano, entregue pela APP – Associação dos Profissionais de Propaganda; em 2006, recebeu o prêmio Caboré, o mais importante do mercado publicitário brasileiro, concedido pela editora Meio & Mensagem, na categoria Dirigente da Indústria da Comunicação; Ainda em 2006, foi eleito o Empreendedor do Ano Roberto Justus nas Comunicações, pela revista IstoÉ Dinheiro.

Roberto Justus iniciou sua carreira na área de comunicação em 1981, como sócio da Fischer, Justus Comunicação. Depois de 17 anos, deixou a sociedade para fundar sua própria agência, a Newcomm Comunicação Integrada, considerada um dos grandes cases de comunicação do país. Em apenas 10 anos, a agência transformou-se em um forte grupo de comunicação, conquistou alguns dos maiores anunciantes do mercado nacional e registrou um aumento extraordinário em seu faturamento, tornando-se líder de mercado nos últimos seis anos.

Durante esse período, o empresário também se tornou sócio de duas grandes redes de publicidade internacionais. A primeira associação foi com a norte-americana Bates Worldwide. Essa operação deu origem à razão social Grupo NewcommBates.

No início de 2004, com a aquisição da Bates pelo grupo inglês WPP, Justus tornou-se sócio do maior grupo de comunicação do mundo, formando o Grupo Newcomm, primeira holding mista da história da propaganda brasileira em regime de gestão compartilhada.

A estréia como apresentador de televisão ocorreu em 2004, no reality show O Aprendiz, exibido pela Rede Record, o qual comandou por seis temporadas em 2004 e 2009. Entre 2004 e 2006, Justus premiou os vencedores com cargos de prestígio em suas empresas.

Em 2007 e 2008, os vencedores ganharam o direito de serem sócios do publicitário (em 2007, cada candidato deveria apresentar um projeto de sociedade, o que não foi necessário em 2008, onde a proposta era a mesma para todos).

Em 2009, os candidatos eram jovens universitários, que concorriam a um cargo de trainee em uma das empresas de Justus, além de um prêmio de 1 milhão de reais em dinheiro.

Em 2009, meses após o encerramento da sexta temporada de O Aprendiz, Justus deixa a Record e assina contrato de quatro anos com o SBT, onde passou a comandar o game show 1 Contra 100, e posteriormente o Topa ou não Topa.

Livros Publicados

  • O Empreendedor
  • Construindo uma Vida

Eleita pela segunda vez consecutiva a melhor empresa de palestras do Brasil.

A resposta da proposta será em até duas horas durante o horário comercial.
Consultoria GRATUITA de um de nossos especialistas.